29 de mar de 2010

Intelectualzona

Aconteceu há tipo duas horas atrás:
Tô no laboratório de informática olhando qual texto dentre os infinitos que eu tenho para ler será o escolhido da vez, quando uma moça vem falar comigo. Ela era fotógrafa, produtora, alguma coisa assim, e veio me convidar para uma sessão de fotos no dia seguinte para uma campanha publicitária da faculdade. E sabem por quê?
Segundo ela, o cabelo curto me diferencia e eu passo um ar intelectual! Hahahahhaa! E a moça que tava sentada no computador do lado também concordou.
Eu gosto de fazer textos analisando vídeos do É o Tchan. Preciso falar mais alguma coisa?
Se eu topar, ganho 100 reais - o que não é nada mal pra uma estudante latino americana sem dinheiro no bolso, mas talvez seja mical aparecer em outdooors por aí. Sem contar que eu preciso estudar, posto que minha vida é uma prostituição intelectual.

4 comentários:

Luna disse...

Aceita, beesha!!! O próximo passo é virar Cumpazete, quando o nosso muso voltar a pagodear.

BBB acabou com meus neurônios, bjos!

Simon disse...

Eu aceitava o dinheiro hahaha
Te amo =)

Nanael Soubaim disse...

Aceite. É uma merreca, mas pode ser a primeira de uma série de merrecas bem maiores.

fabio_ disse...

Faz, boba! Vc tá pra intelectualidade acadêmica assim como Sandy está para a virgindade marital. Hahaha!